PONTOS DE VENDA

PONTOS DE VENDA
PONTOS DE VENDA: União dos Escritores Angolanos; Rede de Supermercados KERO; Tabacaria GRILO (edifício do Mercado de Benguela); Livraria SUCAM, Benguela; Livrarias LELLO, MENSAGEM e na SALA DE EMBARQUE do AEROPORTO INTERNACIONAL 4 DE FEVEREIRO, Luanda

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

(Um poema que é na verdade letra de uma trova/canção): O TEMPO NÃO APAGOU

O TEMPO NÃO APAGOU

Não perguntes porquê
não sei bem o que é
só sei que pareço um tolo
quero-te já no meu colo.

(...)
Não sei se é amor
ou então paixão
mas sem o teu calor
gela-me o coração. 

Essa coisa que sinto
o tempo não apagou
muitos anos passaram e nada mudou
oh metade de mim
foi na tentativa de te esquecer
que consegui só te querer

Gociante Patissa, in Consulado do Vazio, pag.51. KAT. 2008. Benguela

Sem comentários: