PONTOS DE VENDA

PONTOS DE VENDA
PONTOS DE VENDA: União dos Escritores Angolanos; Rede de Supermercados KERO; Tabacaria GRILO (edifício do Mercado de Benguela); Livraria SUCAM, Benguela; Livrarias LELLO, MENSAGEM e na SALA DE EMBARQUE do AEROPORTO INTERNACIONAL 4 DE FEVEREIRO, Luanda

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Gostei de ler (no Jornal Cultura de 14-27 Abril 2014, pág. 14, edição 54) a fina ironia com que termina um artigo inicialmente ensaísta, da autoria de Alberto Sebastião, que rebate a perspectiva normativa (mais uma voz contra a aludida intransigência) presente no livro Ensaboado & Enxaguado, de Carlos Almeida

«E saber que todos os angolanos que querem falar e escrever correctamente a nossa língua estão obrigados a seguir o que o autor do Ensaboado & Enxaguado – Língua Portuguesa e Etiqueta decide! Sabem como me sinto? Eu me sinto como aquele recruta que, disciplinado, segue rigorosamente o seu comandante em direcção a um abismo, para suicidar-se…»

Sem comentários: