PONTOS DE VENDA

PONTOS DE VENDA
PONTOS DE VENDA: União dos Escritores Angolanos; Rede de Supermercados KERO; Tabacaria GRILO (edifício do Mercado de Benguela); Livraria SUCAM, Benguela; Livrarias LELLO, MENSAGEM e na SALA DE EMBARQUE do AEROPORTO INTERNACIONAL 4 DE FEVEREIRO, Luanda

sábado, 11 de janeiro de 2014

Como despir o livro do carácter repelente?

"O pão e o livro devem ter a mesma prioridade", diz a nobre campanha. Quando se chega à realidade angolana, a questão que se impõe é: quanto custa o pão e quanto custa o livro? Até quanto o cidadão pagaria por uma refeição, até quanto o cidadão pagaria por um livro comum? Para o meu bolso, acima de três mil kwanzas (USD 30), o livro é um luxo que não se pode custear regularmente. O mesmo se aplica às refeições. Como fazer com que o livro custe cada vez menos caro e, quem sabe a partir dali, seja cada vez mais atraente?

Sem comentários: