Edição angolana do livro de contos

Edição angolana do livro de contos
Edição angolana do livro de contos

PONTOS DE VENDA

PONTOS DE VENDA
PONTOS DE VENDA: União dos Escritores Angolanos; Rede de Supermercados KERO; Tabacaria GRILO (edifício do Mercado de Benguela); Livraria SUCAM, Benguela; Livrarias LELLO, MENSAGEM e na SALA DE EMBARQUE do AEROPORTO INTERNACIONAL 4 DE FEVEREIRO, Luanda

sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

Fábula infantil | A rã que quis se inchar como um boi (*)

Uma rã que se encontrava em uma lagoa viu um dia se aproximar um boi que tinha ido beber um pouco de água, e lhe chamou a atenção o grande tamanho do animal. A rãzinha era muito pequena, não maior que um limão, e ao ver o corpulento boi se encheu de inveja e decidiu se inchar até igualá-lo em tamanho.

A rãzinha enquanto ia se inchando, perguntava às suas companheiras:
- Eu já me inchei bastante para igualá-lo? Já sou tão grande como ele?
- Não
- E agora? 
- Tão pouco
- Eu conseguirei!
- Você ainda está muito longe!
 E a pobre da rã se inchou tanto que explodiu. 
Moral da história: O mundo está cheio de medíocres que, por inveja, mostram-se diante dos outros como grandes senhores.

(*) Versão atribuída a La Fontaine por Vilma Medina, no site www.br.guiainfantil.com, de uma fábula conhecida por A Rã e o Boi e que fez parte há algumas décadas do currículo de ensino angolano em nome do autor brasileiro Monteiro Lobato.

Sem comentários: