PONTOS DE VENDA

PONTOS DE VENDA
PONTOS DE VENDA: União dos Escritores Angolanos; Rede de Supermercados KERO; Tabacaria GRILO (edifício do Mercado de Benguela); Livraria SUCAM, Benguela; Livrarias LELLO, MENSAGEM e na SALA DE EMBARQUE do AEROPORTO INTERNACIONAL 4 DE FEVEREIRO, Luanda

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Diário | E não almoça o seu conceito porquê?!

“Ó meu caro amigo, você me desculpe, mas isso está a me fazer um bocado de confusão! É já a terceira vez só essa semana que o senhor vem cá almoçar prato do dia.”
“E daí, com o devido respeito, mas qual é o problema?”
“O problema é mesmo tu vires aqui comer constantemente…”
“Mas isto aqui não é um restaurante? Não é lugar livre para quem consome e paga? Diz-me lá, mas o quê que me proíbe?!”
“Como assim, ‘o quê que me proíbe?’ Ainda perguntas? Vou ser directo. O senhor também não é dono de um restaurante? Lá também não servem almoços?”
“Sim, mas eu gosto dos pratos do dia daqui. Anteontem foi feijoada. Ontem foi carapau grelhado com banana cozida e molho de cebola picada. Hoje é joaquinzinho, o nosso ‘kasombosombo’, fresco frito com molho de tomate, amanhã é pirão…”
“E no teu restaurante servem pedras no prato? Não dá para comer?”
“Lá esta semana é tudo chique: lasanha, sushi, tornedó, bacalhaus e pratos franceses… É um negócio para grandes famílias, um segmento de clientes que se prezem…”
“Viva! Muito bom. É um nível altamente! Só uma curiosidade: quem elabora o conceito gastronómico do teu negócio?”
“O amigo deve saber que sou muito viajado, modéstia à parte. O conceito é meu.”
“E não almoça o seu conceito porquê?!”
“Mas esta pergunta não faz sentido. Eu mereço ser tratado como cliente normal, só isso. Não peço mais nada, por amor de Deus…”
“Você não sabe que estamos em crise económica, que as importações encravaram, que os armazéns andam caquéticos? Quer dizer, vens cá comer todos os dias para dar cabo da minha despensa a ver se o meu negócio vai à falência e passo a comer as gordurosidades do teu restaurante, não é isso?
GP, Benguela, 16.04.2016

Sem comentários: