PONTOS DE VENDA

PONTOS DE VENDA
PONTOS DE VENDA: União dos Escritores Angolanos; Rede de Supermercados KERO; Tabacaria GRILO (edifício do Mercado de Benguela); Livraria SUCAM, Benguela; Livrarias LELLO, MENSAGEM e na SALA DE EMBARQUE do AEROPORTO INTERNACIONAL 4 DE FEVEREIRO, Luanda

sábado, 22 de março de 2014

À mesa de bar

"Eu respeito aquele madiê."
"O fulano, né?"
"Ya, meu mano. O gajo fala línguas."
"Do tempo que viveu na Europa, né?"
"Ya. Não é que o fulano foi desmentir num cliente que aquele bizno não custava o preço que pagou... O wi tentou fatigar o negócio do outro, mostrou já a loja..."
"Caramba! E a diferença era grande?"
"Tipo que sim. Mas o madiê filipou. Disse mesmo: ó sacana, tu estudaste o quê? Tu não passas da 8ª. E para já, essas merdas que andas a vender, você não passa de empregado do fulano. Um dia fui nos teus clientes dar bandeira da comissão? Tu nunca vais viver bem como eu vivo!" 
"E se falam?"
"Ya, o homem não é de guardar rancor".

Sem comentários: