PONTOS DE VENDA

PONTOS DE VENDA
PONTOS DE VENDA: União dos Escritores Angolanos; Rede de Supermercados KERO; Tabacaria GRILO (edifício do Mercado de Benguela); Livraria SUCAM, Benguela; Livrarias LELLO, MENSAGEM e na SALA DE EMBARQUE do AEROPORTO INTERNACIONAL 4 DE FEVEREIRO, Luanda

sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Citação

"A inteligência francesa é muito superior à portuguesa. A França reconhece e, hoje, a obra de Aime Cesaire é de leitura obrigatória na academia; ao contrário de Portugal que ainda continua com um discurso que relativiza os males da colonização. Ali quase ninguém conhece a obra "O recolher das armas", de Amílcar Cabral (...) Esses poetas africanos tinham uma retórica de denúncia, de acusação do papel da força desintegradora, não apenas de afirmação da negritude"- de uma académica angolana à Rádio Nacional a propósito de mais um assinalar da data do massacre da Baixa de Kassanji. 04.01.14

1 comentário:

Fernando Ribeiro disse...

Eu não quero defender o «discurso que relativiza os males da colonização». Quero só lembrar que a inteligência francesa é tanta que a Martinica, terra natal de Aimé Césaire, ainda é uma colónia! Ou, como eufemisticamente dizem os franceses, é um "departamento ultramarino" (département d'outre-mer em francês)...